Casos de Sucesso: Ar Condicionado

Hospital Felício Rocho

Redução de Demanda (kW)

HP: 52      HFP: 59

Redução de Energia (kWh)

HP: 162.783      HFP: 1.168.899

Economia R$ 860.709,52

Casos de Sucesso: Iluminação

AeC Contact Center

Redução de Demanda (kW)

HP: 13      HFP: 13

Redução de Energia (kWh)

HP: 64.890      HFP: 885.060

Economia R$ 439.702,93

Casos de Sucesso: Iluminação

Hospital Felício Rocho

Redução de Demanda (kW)

HP: 54      HFP: 80

Redução de Energia (kWh)

HP: 270.288      HFP: 2.253.651

Economia R$ 1.502.350,39

Casos de Sucesso: Iluminação

Shopping Oiapoque

Redução de Demanda (kW)

HP: 0      HFP: 0

Redução de Energia (kWh)

HP: 0      HFP: 2.199.000

Economia R$ 1.528.454,89

Monsanto economiza quase 1 bilhão de litros d’água por ano

E onde se economiza água também se economiza energia elétrica!

A unidade de São José dos Campos (SP) fez melhorias operacionais e, por meio de novos equipamentos e tecnologias, reduziu o consumo de água na produção do herbicida Glifosato, princípio ativo manufaturado pela empresa no Vale do Paraíba.

O projeto apresentou benefícios expressivos: redução anual de água de 732 milhões de litros, diminuição de 18 ton de insumos diversos utilizados no tratamento de efluentes e ainda a redução de 4,3 milhões de m3 de oxigênio. No que diz respeito à energia elétrica, as ações proporcionaram um corte no consumo de 2.900.000 KWh/ano.

Outro projeto implementado em São José dos Campos e que vem contribuindo para economia de água desde 2006, foi a otimização do processo de produção de água desmineralizada (baixíssimos teores de sais), que oferece dois usos finais na unidade: Produção de vapor por meio de caldeiras e também na produção do Glifosato. Esta melhoria proporcionou a economia de 167 milhões de litros de água por ano.

A unidade tem, ainda, um projeto na torre de resfriamento, realizado em conjunto com uma empresa parceira que trata a água da Monsanto, oferecendo uma redução anual de 21 milhões litros de água.

Fonte: O Debate – Portal de Noticias