Casos de Sucesso: Iluminação

Hospital Felício Rocho

Redução de Demanda (kW)

HP: 54      HFP: 80

Redução de Energia (kWh)

HP: 269.847      HFP: 2.249.971

Economia R$ 1.499.896,57

Casos de Sucesso: Iluminação

AeC Contact Center

Redução de Demanda (kW)

HP: 13      HFP: 13

Redução de Energia (kWh)

HP: 64.773      HFP: 883.476

Economia R$ 438.915,99

Casos de Sucesso: Iluminação

Shopping Oiapoque

Redução de Demanda (kW)

HP: 0      HFP: 0

Redução de Energia (kWh)

HP: 0      HFP: 2.196.600

Economia R$ 1.526.786,73

Casos de Sucesso: Ar Condicionado

Hospital Felício Rocho

Redução de Demanda (kW)

HP: 52      HFP: 59

Redução de Energia (kWh)

HP: 162.446      HFP: 1.166.477

Economia R$ 858.926,59

Edifício corporativo é autossuficiente em água e energia

Empresa deve economizar cerca de R$ 20 mil reais por ano em energia elétrica.

Nova sede da RAC Engenharia, em Curitiba, será o primeiro edifício corporativo no Brasil a ser autossuficiente em água e energia. Toda a energia elétrica consumida será produzida no próprio prédio, a água do esgoto será tratada e a água da chuva transformada em água potável.

O projeto recebeu a certificação LEED Platinum, com a maior pontuação da América Latina (97 pontos). Atualmente, o Brasil ocupa a 4ª posição em um ranking de 165 países que possuem a certificação LEED, com 1.230 projetos registrados.

Segundo a RAC Engenharia, o orçamento do projeto cresceu em 14% para se adequar às mudanças. A previsão é que a empresa economizará R$ 20 mil reais por ano em energia elétrica, recuperando o investimento em dez anos.

Fonte: O Debate